sábado, 15 de outubro de 2011

Odisseias da noiva # 26 - Wedding Day

O nosso dia de casamento foi perfeito!!! Claro que houve imprevistos, claro que houve mensagens de última hora a dizer que afinal não iam, claro que houve um nervoso miudinho... Mas foi perfect!!!

Acordei calma no quartinho onde passei a minha infância, em casa do meu avô. Tomei o pequeno almoço, tomei um banhinho e juntámo-nos todas para ir ao cabeleireiro ao meio dia. Fui com a minha mãe, as 3 enteadas dela e a minha madrinha e grande amiga C.

A partir do momento em que entrámos (e dominámos) o cabeleireiro começou a corrida contra o tempo. É impressionante como parece que tudo passa a correr. Fizémos os nossos penteados e voltámos para casa para almoçar. Aí já não consegui comer quase nada, só um prato de sopa e muito pouco peixe. Tive que me levantar constantemente da mesa para atender telefonemas, ajudar o fotógrafo a chegar ao sítio e o DJ.

Chegou a altura de me ir vestir. Estava no quarto apenas com a C. para um dos momentos mais esperados e ensaiados, vestir o vestido de noiva. As mãos dela tremiam de nervos e mal me conseguia abotoar os mil botões do vestido. Mas conseguiu! Estavamos as duas tão emocionadas... Crescemos juntas. Amámos e desamámos. Fomos inseparáveis e separámo-nos. Já rimos e chorámos, já conversámos e discutimos. Já nos elogiámos e já berrámos uma com a outra mas a nossa amizade é para sempre e naquele momento isso era tão claro, tão evidente. Ela esteve sempre ao meu lado e foi incansável durante todo o dia, nos dias antes e nos dias seguintes.
Quando fiquei pronta a minha mãe entrou no quarto e os olhos encheram-se de lágrimas. Era um dia tão feliz para todos.
A cabeleireira deu um último jeito no cabelo e deixou o ferro cair em cima do vestido!!!! Mas não queimou... Lucky me (and lucky she porque eu tinha-lhe partido a cara lol).
O meu pai veio ter connosco para tirarmos as habituais fotografias e levar-nos à igreja. A minha mãe e irmãos foram andando, ficámos só os três, o meu pai, a C. e eu. Entrámos no carro para ir até à igreja e aí comecei a ficar nervosa. Não por ir casar porque não tinha qualquer dúvida em relação a isso mas sim pelo momento em si. Sempre vi nos filmes aquelas noivas que à última da hora têm dúvidas e perguntam às amigas se estão a fazer a coisa certa, etc. Pensei que isso me fosse acontecer mas não hesitei nem por uma milésima de segundo. Eu estava tão tranquila e tão consciente do passo que ia dar que não duvidei nunca.
Chegámos à capela. Eu com o véu para a frente a encarar as primeiras caras. O momento em que entrámos foi lindo. Vi toda a gente que amo e que me ama, tudo tão feliz, tão tranquilo. O padre foi impecável, nem tenho palavras para descrever o quão gosto dele. Ele foi tão querido desde a preparação até aquele dia!
O momento de trocarmos votos e alianças apagou-se da minha memória porque eu acho que estava em êxtase... LOL Tenho que ver o video para me relembrar eheh
O jantar correu muito bem, embora eu estivesse sem fome nenhuma... E a festa foi linda!
Adorei dançar com o meu pai e adorei dançar com o meu (já) marido!!!
Foi sem dúvida o dia mais feliz da nossa vida e estamos tão contentes por termos casado...
M&G

Um comentário:

*C*inderela disse...

fico muito feliz por ti querida. que sejam muito felizes, hoje e sempre.