segunda-feira, 26 de março de 2012

da cidade para a aldeia # 10

Pois que está de regresso esta rubrica do "Da Cidade para a Aldeia". Mas desta vez não pelas melhores razões.
Nesta casa onde estamos a viver a lareira é com recuperador de calor, ou seja, é daquelas lareiras que têm uma porta de vidro, sabem? Eu gosto assim. Menos fumo, menos fagulhas a saltar para o chão, etc. Mais seguro. O que eu nunca pensei é que esta porta de vidro me viria a salvar do meu pior medo, a minha única fobia... Abelhas.
Há uns tempos, quando acabou aquela época de frio, deixámos de acender a lareira. A portinha ficava fechada e pouco ou nenhum uso davamos a lareira. Um dia ouvi um "bbbzzz" a vir de dentro da lareira... Espreitei pelo vidro e vi umas duas abelhitas a esvoaçarem lá dentro... Ignorei. Pensei que mais tarde ou mais cedo acabariam por morrer. O "bbbzzz" continuou dia após dia. As sacanas não morriam. Ou não seriam as mesmas? Ontem de manhã o barulho estava insuportável. Parecia que tinha abelhas dentro das paredes de casa. Espreitei pelo vidro da porta da lareira e vi o meu pior pesadelo. Centenas de abelhas!!!!!!! Esvoaçavam, caíam, chocavam umas com as outras, juntavam-se em pequenos grupos... Tudo com um "BBBBBBBZZZZZZZ" assustador. Temi pelas nossas vidas. Espreitei pela janela do quarto e estavam milhares de abelhas a rondar a nossa casa em direcção à chaminé. Fechei as portas e janelas todas.
A solução foi comprar um sprayzito de dum-dum. Demos umas "sprayzadas" lá para dentro e fomos vendo algumas das abelhas cair. Abrimos a porta, mais spray lá para dentro e dezenas delas caídas no chão da sala. Fomos limpanho os restos mortais dessas à medida que íamos dando com mais spray lá para dentro. O próximo passo foi acender uma acendalha e atirar lá para dentro, atirámos pinhas, aparas, raminhos e finalmente a lenha. Fizemos uma boa lareira. Vim ao jardim e vi as abelhas a fugirem pela chaminé. Imediatamente fiquei feliz por as termos vencido. Pensei que o que quer que estivesse dentro da nossa chaminé não resistaria esta noite. A lareira manteve-se sempre acesa.
Hoje de manhã qual não é o meu espanto quando volto a ouvir o "bbbzzz"?
Vamos ter que chamar um apicultor.... Está visto!

4 comentários:

Bomboca do Amor disse...

Não deve ser nada agradável.
Espero que o problema se resolva rapidamente!
Beijinhos,
Bomboca do Amor.

.Carmen disse...

Que medo!!! :|

M.M. disse...

Deves ter algum enxame na lareira... quando o tirares mete rede daquela com os buraquinhos muito pequeninos (onde nem uma abelha passa)a tapar a chaminé... o fumo sai na mesma e não entra nenhum bicho (nem abelhas nem pássaros). Fala quem viveu no campo a vida toda :p

Didi disse...

Sem stress :) as abelhas são bichos muito simpáticos (claro que para quem tem fobias é mau para caramba).

Eu ficava toda picadinha, lá conseguia matá-las.
Até porque me lembrava logo daquela música "bzzz bzzz sou uma abelha sempre em buscar do mel, pousa aqui, pousa ali..."